Harry Kane costuma não ter em Agosto os seus melhores meses. Pelo contrário, já é rotina na vida do camisa #10 do Tottenham: agosto é mês de passar em branco. Mas setembro sempre chega e a seca termina com uma chuva de gols.

Neste ano, foi ainda mais evidente. Após passar todo o primeiro mês da temporada sem fazer um gol sequer, Harry Kane balançou as redes adversárias incríveis 13 vezes em setembro – foram oito jogos, somando clube e seleção.

Em todo o futebol europeu, Harry Kane foi quem mais anotou tentos durante os trinta dias. Começou pela Inglaterra, fazendo dois gols em Malta. Na sequência, já pelos Spurs, fez dois no Everton, dois no Borussia Dortmund e passou em branco contra o Swansea.

Após isso, veio uma sequência ainda mais brutal. Foram sete gols nos últimos três jogos de setembro. Primeiro, foram dois no West Ham, depois contra o APOEL, no Chipre, um hat-trick. Para fechar com chave de ouro, outros dois contra o Huddersfield Town.

Das sete vezes que esteve em campo, em cinco oportunidades Harry Kane fez dois ou mais gols. Matador.

“É o melhor centroavante do mundo”

Logo depois de anotar os dois tentos contra o West Ham, seu treinador no Tottenham, Mauricio Pochettino, não mediu palavras para elogiar a forma de seu atacante.

Para mim, ele é o melhor centroavante do mundo. Estou apaixonado por ele e os torcedores também. É fantástico, fica difícil arrumar novos adjetivos para ele. É um grande atacante e sua mentalidade é incrível. Penso que sim, estou apaixonado por ele“, falou o técnico argentino.

Não é pra menos. Desde 2014, Harry Kane tem números sensacionais com a camisa dos Spurs: 100 gols, em 146 jogos.

Na pré-temporada, Antonio Conte, comandante do Chelsea – um dos grandes rivais do Tottenham, também teceu elogios sobre o camisa 10. “O Kane é, neste momento, um dos melhores atacantes do mundo, na minha opinião. Se pudesse comprar um centroavante para o Chelsea, seria ele. É um jogador muito completo. Só que, quem o quiser comprar, terá de pagar mais de 100 milhões de euros“, comentou o italiano.

“Estou triste em ver setembro acabar”

Em entrevista após seus dois gols contra o Huddersfield, no último sábado, Harry Kane lamentou o final do mês de setembro. “Foi um ótimo mês. Setembro foi um daqueles meses que tudo deu certo. Estou triste em ver isso acabar, na realidade“.

O camisa #10 também não deixou de enaltecer seus companheiros, dando todo o crédito: “Eu estou lá para guardar a maioria das chances, mas quando você tem Dele (Alli) e Christian (Eriksen), e tem Ben (Davies) e Tripps (Kieran Trippier) jogando pelas laterais e os caras te respaldando, tudo ajuda. Nós temos uma ótima equipe“.

Harry Kane voltará a campo nesta quinta-feira, defendendo as cores da Inglaterra, nas últimas rodadas das Eliminatórias Europeias para a Copa do Mundo 2018. Acredita que o craque do Tottenham conseguirá manter a forma de Setembro? Deixe sua opinião nos comentários!

Comentários